Promoção!

Albuquerque Mendes

Crackers
Acrílico sobre Tela
Dimensão: 38 x 46 cm
Dimensão com moldura: 57 x 65 cm
Ano:1988

 A moldura tem algumas marcas e riscos.

Nota: até ao final do ano, o Clube Rastro tem uma prenda muito especial para todos os compradores de obras originais apresentadas no site do clube: na compra deste original, recebe de imediato a oferta da serigrafia de Alfredo Luz, “Fernando Pessoa”! Veja a obra aqui.

Nota: caso deseje adquirir esta obra e não tenha disponibilidade para pagar de imediato a totalidade do valor, o Clube Rastro permite o pagamento fracionado. Basta contatar o nosso clube e combinar connosco um plano de pagamentos. Sem despesas nem juros para si!

1.500,00

Em stock

Qualquer interessado pode adquirir de imediato esta obra; basta clicar em Adicionar e seguir os passos indicados para que esta obra passe a pertencer à sua coleção.

A obra será entregue em sua casa de forma inteiramente grátis, com o seguro do transporte das obras a ser oferecido pelo Clube Rastro. Todas as obras de arte disponíveis no site do Clube Rastro têm cotação e estão devidamente certificadas.

Pode optar por subscrever o Clube Rastro, um clube de colecionismo de arte onde se acede à obra dos melhores artistas nacionais através de um pequeno investimento mensal de verba para o clube. Veja em Subscrição como aderir ao Clube Rastro.

Os subscritores do Clube Rastro não pagam qualquer joia de inscrição e terão direito a diversos prémios. Para qualquer outra informação sobre esta obra, por favor contate-nos através do info@clube.galeriaorastro.com

REF: CR#0571 Categorias: , Etiqueta:

Descrição

Albuquerque Mendes, pintor e performer, nasceu em 1953, em Trancoso (Beira Alta) e vive e trabalha em Leça da Palmeira. De 1970 a 1979 frequentou o Círculo de Artes Plásticas de Coimbra, onde frequentou o Círculo de Artes Plásticas entre 1970 e 1975.

Protagoniza várias intervenções em lugares públicos como a Praça da Liberdade e a Avenida dos Aliados no Porto. Nelas são visíveis ligações aos rituais das procissões e das manifestações religiosas e profanas da cultura popular portuguesa.

Tendo atingido um grande reconhecimento no Brasil, país que o fascina e onde expõe regularmente, Albuquerque Mendes foi objeto de uma mostra retrospectiva intitulada Confesso no Museu de Arte Contemporânea de Serralves em 2001.

Apresentou inúmeras exposições individuais, a nível nacional e internacional, desde 2000, em galerias de renome nas cidades do Porto, Niterói, Rio de Janeiro, São Paulo, Madrid e Roma.
O seu trabalho encontra-se representado na Galeria Graça Brandão, em Lisboa.