Promoção!

António Viana

Sem título
Técnica mista com colagem sobre papel
Dimensão: 50 x 33 cm
1978

Nota: até ao final do ano, o Clube Rastro tem uma prenda muito especial para todos os compradores de obras originais apresentadas no site do clube: na compra deste original, recebe de imediato a oferta da serigrafia de Alfredo Luz, “Fernando Pessoa”! Veja a obra aqui.

750,00

Em stock

Qualquer interessado pode adquirir de imediato esta obra; basta clicar em Adicionar e seguir os passos indicados para que esta obra passe a pertencer à sua coleção.

A obra será entregue em sua casa de forma inteiramente grátis, com o seguro do transporte das obras a ser oferecido pelo Clube Rastro. Todas as obras de arte disponíveis no site do Clube Rastro têm cotação e estão devidamente certificadas.

Pode optar por subscrever o Clube Rastro, um clube de colecionismo de arte onde se acede à obra dos melhores artistas nacionais através de um pequeno investimento mensal de verba para o clube. Veja em Subscrição como aderir ao Clube Rastro.

Os subscritores do Clube Rastro não pagam qualquer joia de inscrição e terão direito a diversos prémios. Para qualquer outra informação sobre esta obra, por favor contate-nos através do info@clube.galeriaorastro.com

REF: CR#0490 Categorias: , Etiqueta:

Descrição

António Viana, nasceu em Coimbra a 19 de Maio de 1947.

António Viana fez o Curso de Pintura Decorativa na Escola de Artes Decorativas António Arroio.
A maioria dos seus quadros são pinturas a óleo, no entanto, o artista pintou também azulejos, fez retratos a carvão, aguarelas e banda desenhada.

Realizou a primeira exposição individual em 1966.
Tem exposto regularmente desde essa data em Portugal e no Estrangeiro.
Além da atividade de artista plástico desenvolve regularmente a atividade de museógrafo, com trabalhos realizados para diversos Museus, Exposições Temporárias e Itinerantes em Portugal e em diversos Países da Europa, América e Ásia.

A sua obra está representada em diversas instituições nacionais e no estrangeiro, tais como:
Museu de Serralves no Porto, Fundação Calouste Gulbenkian – Centro de Arte Moderna – Porto.
Centro de Arte Moderna – Prilep – República da Jugoslávia.
Museu Dr. Santos Rocha – Figueira da Foz.
Coleções da Caixa Geral de Depósitos – Lisboa e Paris.