Mário Belém

wishing it doesn’t make it true
Escultura em madeira pintada a aerosol spray e acrílico
Dimensão: 35 x 46 x 12,5 cm
2022

Nota: Esta escultura/caixa deve ser colocada na parede, funcionando como um alto relevo. Vem acompanhada por um certificado de autenticidade assinado pelo autor.

Nota: O Clube Rastro tem uma oferta muito especial para si! Na compra desta obra receba imediatamente a serigrafia “Casa de D.ª Modista de Ser Cor de Rosa” do Mestre Roberto Chichorro. No Clube Rastro há um mundo de ofertas e vantagens: oferta do transporte das obras, os clientes pagam as peças como puderem e, agora, recebem de oferta uma obra gráfica que vale 500 euros!
Confie, compre no Rastro; há 35 anos a transformar os seus sonhos em arte!

 

1.000,00

Em stock

Qualquer interessado pode adquirir de imediato esta obra; basta clicar em Adicionar e seguir os passos indicados para que esta obra passe a pertencer à sua coleção.

A obra será entregue em sua casa de forma inteiramente grátis, com o seguro do transporte das obras a ser oferecido pelo Clube Rastro. Todas as obras de arte disponíveis no site do Clube Rastro têm cotação e estão devidamente certificadas.

Pode optar por subscrever o Clube Rastro, um clube de colecionismo de arte onde se acede à obra dos melhores artistas nacionais através de um pequeno investimento mensal de verba para o clube. Veja em Subscrição como aderir ao Clube Rastro.

Os subscritores do Clube Rastro não pagam qualquer joia de inscrição e terão direito a diversos prémios. Para qualquer outra informação sobre esta obra, por favor contate-nos através do info@clube.galeriaorastro.com

REF: CR#1704 Categorias: , Etiqueta:

Descrição

Mário Belém nasceu em 1977.

Vive em Carcavelos, Lisboa. Estudou design gráfico no Ar.Co em Lisboa.

Trabalhou como ilustrador digital e designer gráfico durante vários anos.
Mas a vontade de voltar a sujar as mãos com tinta e focar-se no seu trabalho revelou-se mais forte.

Mário Belém atualmente trabalha com igual habilidade tanto nas peças de pequena escala que cria em atelier como nos murais de grande escala que lhe valeram um papel de destaque no florescente cenário da arte urbana portuguesa.
Ao longo dos últimos anos tem vindo assim a solidificar uma linguagem distintamente pessoal – colorida e lúdica – onde justapõe frequentemente imagens e palavras, compondo narrativas visuais de natureza mágica que se enraízam num equilíbrio entre o familiar e o inusitado e que exploram vários assuntos.
Inerente à comunicação, à cultura popular e à condição humana atual.
Trabalhando principalmente a pintura sobre madeira em composições de carácter escultórico, tem apresentado a sua obra tanto no espaço público como em exposições individuais e coletivas.

Projetos murais em destaque
“Liberdade (em equilíbrio periclitante)” Alcântara, Portugal.
“Tanto se me faz…” Carcavelos, Portugal.
“Lisboa menina e moça” Alvalade, Portugal.
“Antes perdidas por aqui algures…” Graça, Portugal.
“Adoro estar sozinho…” Barreiro, Portugal.
“Mural comemorativo dos 150 anos da Abolição da Pena de Morte em Portugal” Sta Apolónia, Lisboa, Portugal.

Outras obras deste artista