Promoção!

Noronha da Costa

Sem título
Tinta celulósica sobre tela
Dimensão: 97 x 130 cm
2006

Nota: até ao final do ano, o Clube Rastro tem uma prenda muito especial para todos os compradores de obras originais apresentadas no site do clube: na compra deste original, recebe de imediato a oferta da serigrafia de Alfredo Luz, “Fernando Pessoa”! Veja a obra aqui.

4.900,00

Em stock

Qualquer interessado pode adquirir de imediato esta obra; basta clicar em Adicionar e seguir os passos indicados para que esta obra passe a pertencer à sua coleção.

A obra será entregue em sua casa de forma inteiramente grátis, com o seguro do transporte das obras a ser oferecido pelo Clube Rastro. Todas as obras de arte disponíveis no site do Clube Rastro têm cotação e estão devidamente certificadas.

Pode optar por subscrever o Clube Rastro, um clube de colecionismo de arte onde se acede à obra dos melhores artistas nacionais através de um pequeno investimento mensal de verba para o clube. Veja em Subscrição como aderir ao Clube Rastro.

Os subscritores do Clube Rastro não pagam qualquer joia de inscrição e terão direito a diversos prémios. Para qualquer outra informação sobre esta obra, por favor contate-nos através do info@clube.galeriaorastro.com

REF: CR2240 Categorias: , , Etiqueta:

Descrição

Noronha da Costa nasceu em Lisboa, em 1942.
Arquiteto diplomado pela Escola Superior de Belas Artes de Lisboa, cineasta e conhecido pintor. Expôs, quer individual quer coletivamente, em quase todos os países da Europa, bem como no Oriente e no continente Americano.
Em 1999 foi convidado a realizar a exposição inaugural do Museu de Arte Contemporânea de Serralves no Porto.
No mesmo ano foi laureado com o “Prémio Europeu de Pintura” atribuído pelo Parlamento Europeu, tendo tido assim o merecido reconhecimento internacional.
Em 2012, foi-lhe atribuído o título de Grande Oficial da Ordem do Infante D. Henrique, pela Presidência da República.

A sua obra faz parte de importantes coleções e instituições como o CAMJAP/Fundação Calouste Gulbenkian e a Coleção do Palácio de Buckingham.

Em 1985 o presidente da República, general Ramalho Eanes ofereceu um quadro de Noronha da Costa a sua Majestade Isabel II, Rainha de Inglaterra, aquando da sua visita oficial a Portugal.

É um dos autores de um dos painéis do café Brasileira no Chiado juntamente com António Palolo, Carlos Calvet, Eduardo Nery, Fernando Azevedo, João Hogan, João Vieira, Joaquim Rodrigo, Manuel Baptista, Nikias Skapinakis e Vespeira.

Noronha da Costa imprimiu um cunho original e individual à sua pintura, sendo a sua obra facilmente reconhecível pela sua unicidade de estilo.
O artista faleceu a 9 de Abril de 2020, em Lisboa.